Effect of arterial hypertension on the atria. Phonomechanocardiographic study of hypertensive patients of different clinical gravity.

J. D. Alves da Silva, A. Laureano Santos, J. Braz Nogueira, J. T. Soares-Costa, J. Nogueira da Costa, Cândida Lourenço Alves da Silva

Abstract


O estudo da repercussão auricular da doença hipertensiva e efectuado em 45 hipertensos pela avaliação da amplitude da onda a do Apexocardiograma (DA/OE), da prevalência de 4º som audível ou registado no Fonocardiograma, e da alteração da onda P do Electrocardiograma. Os dados dos hipertensos, considerados em conjunto e subdivididos segundo diversos critérios (gravidade dos valores tensionais, repercussão nos órgãos alvo, etc.), são comparados entre si e com os de uma amostra de 202 indivíduos normais previamente estudada. Em relação ao normal a amostra de hipertensos tem uma maior prevalência de 4º som e de casos com DA/OE superior a 15%, sendo a repercussão mais evidente nos hipertensos com hipertrofia ventricular esquerda e sobrecarga sistólica no ECG. A anomalia auricular esquerda no ECG dos hipertensos parece ser posterior às alterações do ventrículo grama e não se associar à existência de 4º som ou de aumento da relação DA/OE.


Full Text:

PDF (Português)


Refbacks

  • There are currently no refbacks.