Caso Clinico #2

      No Comments on Caso Clinico #2


Quiz baseado num caso clínico real, sendo composto por três itens de escolha múltipla. Cada resposta é corrigida imediatamente após a submissão, havendo, em alguns casos, momentos informativos que fornecem um enquadramento da pergunta/resposta no conhecimento científico actual.
No fim, é apresentada uma apreciação global da prestação no quiz e são fornecidas referências bibliográficas que podem ser utilizadas para aprofundar os conhecimentos relativos aos tópicos abordados.

Photo: Getty Images


Caso: Homem de 66 anos de idade, com história de hipertensão arterial (sob bisoprolol e associação de irbesartan com hidroclorotiazida), diabetes mellitus tipo 2 (sob metformina e gliclazida), doença renal crónica estádio 3, hipotiroidismo e doença bipolar sob terapêutica com lítio 400 mg duas vezes por dia há mais de 20 anos, sem seguimento ou controlo analítico há cerca de três anos.
Foi levado ao Serviço de Urgência (SU) pela esposa, por agitação e descoordenação motora. A esposa descrevia um quadro com cerca de três meses de evolução, constituído por dispneia de esforço com agravamento progressivo, ortopneia e edema dos membros inferiores, associado a irritabilidade, ansiedade, agitação, inquietude, insónia, anorexia e diarreia intermitente.
Em observação anterior no SU foi instituído reforço de terapêutica diurética e alterações da terapêutica psicotrópica.
À admissão, apresentava-se desorientado no tempo, agitado, confuso e lentificado, com ataxia e tremor generalizado, bem como com fasciculações dos membros superiores. Sem défices neurológicos focais. Parâmetros vitais estáveis, dentro dos limites da normalidade.

P1: O doente apresentava ataxia. Relativamente a este sinal/sintoma:

 
 
 
 

Caso: Foi realizada tomografia computorizada (TC) crânio-encefálica (CE), que não revelou alterações, e estudo analítico com doseamento de lítio, que revelou litémia de 2,56 mmol/L (níveis terapêuticos: 0,6 – 1,2 mmol/L; níveis tóxicos: > 2,0 mmol/L) e agravamento da função renal, com creatininémia de 2,4 mg/dL.

P2: Qual destes efeitos adversos não seria de esperar da terapêutica com lítio:

 
 
 
 

P3: Que conduta te parece mais adequada perante este quadro de intoxicação por lítio: